Por que Holonomic Thinking?

Um dos maiores pensadores sistêmicos mundiais, W. Edwards Deming destacou que o management sofre de sete doenças fatais, dentre as quais uma das mais comuns se refere à necessidade dos executivos utilizarem dados numéricos e gráficos para gerir seus negócios, dando pouca ou nenhuma importância para o que não pode ser medido ou traduzido em números. Em meados da década de 1980, quando primeiro falou sobre isso, também preveniu sobre o uso crescente dos computadores como sendo a fonte indiscutível de informações e dados, o repositório confiável para uso da gestão, e a pouca atenção para as percepções sobre os reais problemas de produção.

Photo: Pixabay

Essa falta de atenção para com os aspectos intangíveis do negócio que não podem ser mensurados de maneira quantitativa demonstra uma carência de percepção mais completa da realidade. Isso se deve ao fato de utilizarmos basicamente o processo lógico-analítico para entender e ver o mundo. Entretanto, a realidade cada vez mais complexa exige que atualizemos essa maneira de ver, processo esse que antecede a qualquer forma de avaliação da realidade.

Para ficar mais claro, podemos pensar que atualmente nenhum profissional, em seu pleno juízo, consideraria baixar a mais recente versão do software Final Cut Pro em um computador com sistema operacional Windows 3.1.

Ou seja, assim como os sistemas operacionais dos computadores, nosso sistema operacional mental também precisa fazer upgrade. Precisamos desenvolver uma nova forma de ver e de conceber a realidade de tal maneira que nos permita melhor entender as situações complexas que vivenciamos.

Para fazer esse upgrade, propomos um novo sistema operacional mental que intitulamos Holonomic Thinking. Em nosso trabalho de desenvolvimento de holonomic thinking com executivos de negócios, utilizamos técnicas de aprendizado experencial baseadas em mindfulness, storytelling, gamification e diálogo genuíno.

Photo: Pixabay

Essas técnicas ajudam a reformatar em profundidade como as pessoas concebem os processos, as estruturas e a complexidade em suas organizações. Como um gestor se referiu à mudança que pôde perceber após participar de uma dinâmica e imersão em holonomic thinking:

“… mudou muito a minha visão anterior de complexidade e agora consigo entender melhor. Defino hoje complexidade como uma janela para entender o mundo.”

Ler mais: Holonomic Thinking, Harvard Business Review Brasil

2 responses to “Por que Holonomic Thinking?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s